segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Qual a cor da ansiedade?


http://pinterest.com/


Antes de entender a relação entre as cores e a ansiedade, é importante compreender o que esta significa. Possui várias definições nos dicionários não técnicos: aflição, angústia, perturbação do espírito causada pela incerteza, relação com qualquer contexto de perigo, entre outros. Levando-se em conta o aspecto técnico, entende-se ansiedade como um fenômeno que ora nos beneficia, ora nos prejudica, dependendo das circunstâncias ou intensidade. Pode se tornar patológica, isto é, prejudicar o funcionamento psíquico (mental) e somático (corporal). A ansiedade estimula o indivíduo a entrar em ação, porém, em excesso, faz exatamente o contrário, impedindo reações.
Diversos estudos mostram que a cor interfere diretamente no estado emocional do indivíduo. É comum ouvirmos expressões como: "hoje meu dia está cinza"; ou "está tudo azul". Um estudo recente, publicado pelo BMC Medical Research Methodology, descobriu que pessoas com depressão ou com quadros de ansiedade patológica são mais propensas a optar pela cor cinza. Em oposição, aqueles que se declaram mais satisfeitos com a própria vida tendem a escolher a cor amarela. 
Os pesquisadores concluíram que aproximadamente 30% das pessoas com ansiedade escolheram uma das tonalidades de cinza, assim como fizeram mais de 50% dos voluntários com depressão. Já os participantes saudáveis associaram seu humor com um tom de cinza em cerca de 10% das vezes. Apenas 39% das pessoas saudáveis associam seu humor a cores. Entre aquelas que fizeram a relação, o amarelo ficou em primeiro lugar, com 20%.
A terapia das cores, também chamada de cromoterapia vem sendo utilizada pelo homem desde as civilizações antigas, com o intuito de controlar a ansiedade e outras perturbações cotidianas. A cromoterapia tem como base as sete cores do arco-íris: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, índigo e violeta. E cada cor tem uma vibração diferente. O vermelho, por exemplo, possui uma frequência mais intensa, enquanto o violeta é uma cor fria. Conheça o que algumas cores simbolizam:

  1. Vermelho: é estimulante, afasta a depressão, tira o desânimo. É a cor das conquistas, das paixões e da sexualidade.
  2. Amarelo: é ativadora e dinâmica, age sobre os processos mentais. O amarelo afasta as ideias fixas e aumenta a capacidade de raciocínio. É a cor da inteligência, do estudo e da criatividade.
  3. Laranja: é restauradora e regeneradora, traz recuperação depois de um processo destrutivo e a capacidade de refazer o que não está certo. É a cor da coragem, da reconstrução e da melhora.
  4. Verde: é calmante e equilibradora. O verde melhora qualquer estado físico negativo e energiza o corpo e a alma.
  5. Azul: traz equilíbrio, paciência, harmonia e serenidade, tranquilizando o corpo e a mente. Ajuda nos casos de insônia e estresse.
  6. Índigo: trabalha o equilíbrio energético, intuição, proteção, limpeza e purificação de ambientes.
  7. Violeta: é profundamente espiritual, mística e religiosa. O violeta atua sobre quem está espiritualmente desequilibrado, descrente e sem conexão com as forças divinas.

Existem cerca de outras 5.000 cores diferentes. E cada uma delas poderia oferecer um benefício, como o rosa, que trabalha a afetividade e contribui no equilíbrio dos relacionamentos pessoais e profissionais. 
Portanto, a escolha de uma cor é também um meio de se comunicar. Afinal de contas, ela ajuda a expressar como estamos e o que queremos.


Fontes:
http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/cores-revelam-ansiedade-e-depressao-15022010-2.shl
http://www.personare.com.br/coloque-mais-cor-em-sua-vida-m2487
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...